Bondinho do Pão de Açúcar passará a usar energia solar fotovoltaica

Se há uma coisa incontestavelmente abundante na cidade do Rio de Janeiro, é a luz do sol. Por isso, é literalmente natural que a cidade passe cada vez mais a utilizar a energia solar fotovoltaica para abastecer o consumo elétrico carioca. E para isso há uma boa notícia: um dos pontos turísticos mais visitados do mundo, o bondinho do Pão de Açúcar, já conta com projetos sustentáveis de eficiência energética e, nos próximos anos, desenvolverá novas iniciativas para o Morro do Pão de Açucar e da Urca, por onde viaja o bondinho.

Já hoje existem 42 placas solares instaladas no local, gerando energia para o Morro da Urca a partir da radiação solar. Um dos conjuntos fotovoltaicos fica responsável pelo aquecimento da água dos restaurantes do local. O processo é continuo, ao longo de qualquer dia – inclusive dias nublados e com pouca incidência de luz solar.

bondinho4

O uso de tais placas já representa uma economia mensal de 2 MWh no consumo de energia do complexo turístico – o equivalente ao consumo de 10 famílias brasileiras – e, segundo a Companhia Caminho Aéreo Pão de Açucar, que administra o bondinho, a ideia é expandir ainda mais o uso de energia solar. Por mais que ainda represente uma melhora pequena na realidade do consumo de energia na cidade, é um alívio para os cariocas ver o Rio cumprir, pelo menos um pouco, sua vocação natural para ser de fato – e não só na música e no imaginário – uma cidade maravilhosa.

© fotos: divulgação


Fonte: Hypeness

Anúncios

Ajude na discussão do tema. Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s