Da semente à rodagem: Bridgestone revela primeiros pneus feitos inteiramente de componentes de borracha natural de guaiúle

Pneus marcam próximo passo para entender o papel do guaiúle na indústria.

A Bridgestone Corporation anuncia que fabricou com sucesso pneus de passeio com 100% dos componentes de borracha natural derivados do guaiúle*, um arbusto do deserto que cresce em regiões áridas. Fabricados no Centro Técnico da Bridgestone no Japão, os pneus são particularmente únicos porque foram construídos usando a borracha natural de guaiúle cultivado pela Bridgestone no Centro de Pesquisas de Processo de Bioborracha em Mesa, Arizona, nos Estados Unidos.

Em um esforço global, a Bridgestone fabricou pneus de passeio similares em sua fábrica em Roma, Itália, na metade desse ano. Na fabricação desses pneus, todos os principais componentes de borracha natural – incluindo a rodagem, lateral e enchimento de talão – foram substituídos por borracha natural extraída do guaiúle cultivado e colhido pela Bridgestone.

É esperado que a demanda por pneus aumente em conjunto com o crescimento da população global e o avanço de motorização em nações em desenvolvimento. Hoje, aproximadamente 90% de toda borracha natural é colhida da árvore seringueira, que cresce principalmente em regiões tropicais no Sudoeste da Ásia.  O objetivo da Bridgestone, maior empresa de pneus e borracha do mundo, no investimento e na pesquisa e desenvolvimento de novas fontes sustentáveis de borracha é aliviar a superconcentração de produção de borracha natural em certas regiões.

A borracha natural é a principal matéria prima utilizada para fabricar pneus ao redor do mundo e é consumida em grandes quantidades. Futuros esforços de pesquisa da Bridgestone serão focados na otimização do teor de borracha natural em cada arbusto de guaiúle, assim como na avaliação de aplicações em uma ampla gama de tipos de pneus e compostos de borracha.

O guaiúle cresce no sudoeste dos Estados Unidos e México e a borracha natural feita de guaiúle é um biomaterial derivado de planta similar à borracha natural extraída da árvore seringueira. Como o guaiúle cresce em regiões áridas, o oposto de regiões tropicais onde a árvore seringueira é encontrada, o desenvolvimento adicional de borracha de guaiúle é esperado para contribuir com a diversificação de fontes de borracha natural.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Depois de comprar um lote de terreno agrícola em Eloy, Arizona, com uma área de 114 hectares, ou aproximadamente 281 acres, o Grupo Bridgestone montou uma fazenda de pesquisa para empregar práticas de reprodução avançadas e desenvolver técnicas de cultivo de guaiúle. A Fazenda de Pesquisa de Agro Operações Bridgestone começou a funcionar em setembro de 2013. Um ano depois (setembro de 2014) a Bridgestone abriu o Centro de Pesquisas de Processo de Bioborracha e estabeleceu no local todos os processos necessários para desenvolver borracha natural de guaiúle para uso em pneus, incluindo pesquisa e desenvolvimento, produção experimental e fabricação.

O Grupo Bridgestone continuará suas atividades de pesquisa com guaiúle e outras matérias primas com o objetivo de atingir sua visão ambiental de longo prazo de mudar para materiais 100% sustentáveis na fabricação de pneus até 2050.

A Bridgestone define “materiais sustentáveis” como materiais derivados de recursos renováveis, que podem ser usados como parte dos negócios do Grupo Bridgestone a longo prazo e que tenham um baixo impacto ambiental e social ao longo do ciclo de vida (da aquisição de matérias primas até o destino final).

SOBRE A BRIDGESTONE

Com sede em Tóquio (Japão), a Bridgestone é a maior empresa de pneus e borracha do mundo. Além de pneus para utilização em uma ampla variedade de aplicações, a Bridgestone também atua nos segmentos de molas pneumáticas; produtos químicos para aplicações em construção civil, como materiais de impermeabilização; borracha industrial; e artigos desportivos, entre outros. Seus produtos são vendidos em mais de 150 países em todo o mundo.

No Brasil, a fabricação de pneus das marcas Bridgestone e Firestone está distribuída nas unidades de Santo André (SP) e de Camaçari (BA). A companhia possui também duas fábricas de bandas de rodagem e partes de borracha para reforma de pneus, instaladas em Campinas (SP) e Mafra (SC).

Saiba mais em  www.bridgestone.com.br

Fonte: Grupo Máquina PR

Anúncios

Ajude na discussão do tema. Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s